- Tira-me daqui esse melro e essa cotovia.

- Porquê ?

- Porque não quero barulhos, mas sim adormecer... Tens medo do meu adormecer ?

- Mas eu irei acordar...talvez um dia, quem sabe, vagarosamente... a não ser...

- A não ser o quê ?

- Que me acendas a alma de lua cheia e me tragas o brilho das estrelas.

- Não, não fujas... deixa-as aqui, por favor, num cantinho, ao pé de mim !

Comentários

Anónimo disse…
Porquê se fazem os dias e as noites de desencontros? Assim até tenho medo de adormecer.

Mensagens populares deste blogue

O MUNDO DE PERNAS PARA O AR

Deixa ficar assim…

DESEJOS E DEMÓNIOS