SE...


Se conseguir ver um gato preto na próxima esquina a cruzar-se comigo, se o eléctrico 32 passar um minuto depois da hora marcada, se o padeiro buzinar antes das oito, se confundir de novo o azul com o preto, se o telemóvel vibrar em vez de tocar, se mais uma vez não vir a mulher-do-padeiro, se chover de novo com 23 graus, se a menina do Renault verde voltar a ultrapassar pela direita, se os próximos 4 semáforos, continuarem vermelhos, se neste exacto momento me voltar a arrepiar, se a tartaruga fizer barulho no aquário, se o pinga-pinga da torneira não parar, se voltar a adormecer ao fim de 5 minutos de leitura, se o nevoeiro não se dissipar e deixar cruzar o arco-íris pela montanha, se a D. Alice do café me voltar a falar dos belos rissóis de carne da filha, se continuar a mexer o café para a esquerda, se o Teodoro Anastácio da Silva Campelo e Melo de Gouveia Frederico e Silva, não aparecer de novo na “Caras” com o patrocínio da mesma e viajar para a ilha dela, se os preliminares forem abolidos, se no urinol publico voltar a sentir olhares de machos na minha direcção, se os políticos conseguirem sorrir sem cinismo e durante 2 minutos conseguirem falar uma palavra de verdade, se o Manel do 4º esquerdo não der o arroto ao descer as escadas do escritório, ou a menina da livraria não coçar a orelha quando lhe falo, é mau sinal…..... ainda não recuperei da loucura.

Comentários

MeuSom disse…
Não, não recuperes da loucura.
És um louco imprescindivel!

Mensagens populares deste blogue

O MUNDO DE PERNAS PARA O AR

Deixa ficar assim…

DESEJOS E DEMÓNIOS